Melhor para o Ambiente

Melhor para o Ambiente

Como empresa líder em serviços de alimentação, focamo-nos onde podemos ter o maior impacto positivo no sistema alimentar global e no meio ambiente.

Desperdício alimentar


Stop Food Waste


O desperdício alimentar, problema transversal a nível mundial, tornou-se uma prioridade nos últimos anos que tenderá a ganhar mais expressão e relevo, tendo em conta as mais recentes prognósticos de aumento da população mundial e a necessidade de produção alimentar para fazer face a este aumento populacional.

Contudo, segundo dados do relatório – Estado da Insegurança Alimentar no Mundo 2015 – publicado conjuntamente pela Organização das Nações Unidas (OMS) para a Alimentação e a Agricultura (FAO), o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) e o Programa Alimentar Mundial (PAM), embora a fome tenha vindo a reduzir-se existem ainda 800 milhões de pessoas subnutridas apesar de atualmente a produção alimentar ser suficiente para alimentar a população mundial.

De acordo com a Agência Europeia do Ambiente (AEA), todos os anos são desperdiçados cerca de 1/3 dos géneros – 3 milhões de toneladas – alimentícios produzidos. Esta cenário alimentar mundial alerta-nos para os fenómenos de desigual distribuição alimentar mundial associado ao desperdício alimentar.

A nossa estratégia de desperdício de alimentos está focada na prevenção, inspirando outras pessoas a desperdiçar menos.

Consumo Consciente, Respeita o Ambiente


O nosso foco é a redução do desperdício alimentar nos nossos restaurantes, ao optimizar a forma como armazenamos, planeamos, confeccionamos e servimos as refeições. Contudo, o nossa grande aposta é a consciencialização dos nossos Consumidores para o desperdício alimentar.

O nosso maior projecto neste âmbito é o Consumo Consciente, Respeita o Ambiente.

A dinâmica da campanha baseia-se no incentivo do Consumidor para levar no tabuleiro a quantidade de comida estritamente necessária para satisfazer as suas necessidades nutricionais e/ou apetite. Caso, no final da refeição, o tabuleiro (sopa, prato, sobremesa e pão) seja apresentado vazio/sem sobras, o Consumidor recebe uma ficha que equivale a 10g de alimentos não perecíveis que são doados a instituições de solidariedade.

Aproveitamento Integral dos Alimentos


O Aproveitamento Integral dos Alimentos apresenta alternativas alimentares que utilizam o alimento integralmente, visando minimizar os impactos ambientais relacionados com o consumo, e promoção de uma alimentação sustentável. É também uma forma de transmitir conhecimento às nossas Partes Interessadas e aumentar o nosso leque de oferta alimentar.

O Aproveitamento Integral dos Alimentos incentiva o consumo do alimento na sua totalidade, inclusivamente as partes normalmente desprezadas:

. cascas

. sementes

. talos

Esta forma de estar na vida, deverá ser um comportamento de todos nós, independentemente da sua classe social ou económica, uma vez que não se trata somente de uma questão económica, mas também de uma questão de sustentabilidade ambiental.

A questão nutricional não pode ser descurada, já que para grande parte dos alimentos o teor de nutrientes na casca ou nos talos é maior em relação à polpa de alguns alimentos.

Encontre as receitas aqui.

Refeições à base de legumes e leguminosas


Desde a pré-história que a carne faz parte da alimentação do Homem. Foi há sensivelmente dois milhões de anos que o consumo desta se fez vincar na sua alimentação.

Actualmente o consumo médio de carne, lacticínios e peixe tem aumentado significativamente nos últimos 50 anos na União Europeia.

No sentido de acompanhar o forte aumento da presença de carne na dieta do Homem, presencia-se actualmente a uma massificação na produção de géneros alimentícios de origem animal. Esta realidade para além de ter consequências para a saúde humana afecta também o meio ambiente. O estudo “Livestock Long Shadow” enaltece a importância das nossas escolhas alimentares como contributo na preservação da saúde e do ambiente.

A produção de alimentos de origem vegetal é, do ponto de vista ambiental, mais sustentável que a produção de alimentos de origem animal, classificando as dietas predominantemente à base de vegetais como dietas mais conscientes.

Na Eurest desenvolvemos e implementámos 2 projectos inovadores: Choose Beans e o Choose Veg.

Juntos vamos mudar o mundo!

Choose Beans
TRUE

A Eurest Portugal integra o novo Projecto Europeu “TRUE” que pretende promover sistemas de agricultura sustentáveis ​​à base de leguminosas.

Este projecto visa identificar e facilitar sistemas sustentáveis de produção alimentar no sector agroalimentar e consequentemente, na cadeia alimentar.

O grupo Eurest irá contribuir através da disseminação a nível Europeu do protejo Choose Beans – que tem por objectivo promover o consumo de leguminosas como géneros alimentícios mais económicos e amigos do ambiente.

Reforçamos assim, a promoção de uma alimentação mais saudável, ao mesmo tempo que enaltece todo o trabalho levado a cabo em prol da sustentabilidade.

Consulte as nossas receitas Choose Beans em Português ou em Inglês e saboreie a sustentabilidade

Choose Veg

Plásticos de utilização única


Reconhecemos a problemática do plástico de utilização única no nosso sector, pelo que estamos a tomar medidas para reduzir a sua utilização na produção e distribuição de refeições.

Trabalhamos em estreita cooperação com os fornecedores com vista a substituir o plástico por materiais mais “amigos do ambiente”, fomentando também a consciencialização de Clientes e Consumidores para esta temática.

This is a unique website which will require a more modern browser to work!

Please upgrade today!

Top